BLOG DOS PROFESSORES APROVADOS SEEDF 2013

Esperança, fé e luta

Posted by Gilberto Lenz em 22/12/2014

Três termos muito próximos e interdependentes, se um deles deixar de existir ou enfraquecer, os outros dois também correm sérios riscos de perder significação e podem até ser levados à inexistência..

Segundo a Wikipedia, a esperança é:

uma crença emocional na possibilidade de resultados positivos relacionados com eventos e circunstâncias da vida pessoal. A esperança requer certa perseverança, acreditar que algo é possível mesmo quando há indicações do contrário. O sentido de crença deste sentimento o aproxima muito dos significados atribuídos à fé.

Já a fé, conforme a Widipedia é:

a fé é a firme opinião de que algo é verdade, sem qualquer tipo de prova ou critério objetivo de verificação, pela absoluta confiança que depositamos nesta ideia ou fonte de transmissão.

Luta, de acordo com a definição do dicionário Michaellis, dentre outras possibilidades é:

  1. Esforço dos seres vivos para defender a sua integridade física e moral contra os obstáculos exteriores, a natureza, os flagelos sociais. 10. Empenho, esforço, lida.

Estes três conceitos estão muito interligados na nossa batalha pelo Aumento do Cadastro Reserva do Concurso de Professores da SEEDF realizado em 2013: tínhamos uma esperança que já estava definhando, haja vista os muitos “nãos” que recebemos desde o inicio da batalha, quando tudo começou pelas mãos de alguns companheiros. A fé ficou abalada e, por fim, ninguém mais lutava pela causa do Aumento, não no sentido do embate corpo-a-corpo, mas no de se manter persistente.

E com o passar do tempo, o que mudou? Outros setores, como a Saúde, os Bombeiros e a PM foram contemplados com o aumento do cadastro reserva, isto trouxe ânimo para todos nós, que pensamos: “se eles podem, por que nós da Educação também não podemos?”

E aqui estamos todos! Tendo a forte esperança de que tudo vai dar certo, o que se mistura com a fé, pois para a esperança ser forte, é preciso acreditar no que estamos fazendo e assim iremos à luta pelos nossos sonhos, não no embate corpo-a-corpo, mas pela certeza cotidiana de que estamos fazendo justiça que beneficiará toda a sociedade brasiliense que precisa de educação e, para que essa educação seja uma realidade, são necessários professores em sala de aula atendendo as nossas crianças.

Assim, conseguimos avanços no ano de 2014: instituímos uma comissão de professores independente e soberana, somamos centenas de professores à luta, conseguimos estabilidade do ponto de vista jurídico e civil, fizemos diversas reuniões, temos nos mantido vigilantes e juntos, pensamos os rumos do movimento, temos o apoio de parlamentares, transformamos nossa esperança em ações concretas, motivados pela nossa fé inabalável e, guerreiros que somos, procuramos sempre combater as adversidades com honestidade, companheirismo e alegria.

Por todos esses motivos queremos desejar a todos um feliz natal e que o ano de 2015 seja repleto de coisas boas, sempre acreditando que é necessário abrir o coração e ter esperança num futuro melhor, fé para acreditar que este futuro está próximo e, munidos destes dois elementos, lutar com todas as forças para que esse futuro não demore a chegar e nem se perca no espaço e no tempo.

Convidamos a todos e, nos colocamos à disposição, para que você professor aprovado no concurso de 2013, se permita sonhar, com esperança e fé. Que estes elementos o motivem a vir lutar ao lado de outros professores que já se sentem muito vitoriosos.

Ass. Comissão Representativa dos Professores do Concurso de 2013

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: